Outros textos:


- 01/03/2009 a 31/03/2009
- 01/02/2009 a 28/02/2009
- 01/01/2009 a 31/01/2009
- 01/12/2008 a 31/12/2008
- 01/11/2008 a 30/11/2008
- 01/10/2008 a 31/10/2008
- 01/09/2008 a 30/09/2008
- 01/08/2008 a 31/08/2008
- 01/07/2008 a 31/07/2008
- 01/06/2008 a 30/06/2008
- 01/05/2008 a 31/05/2008
- 01/04/2008 a 30/04/2008
- 01/03/2008 a 31/03/2008
- 01/02/2008 a 29/02/2008
- 01/01/2008 a 31/01/2008
- 01/12/2007 a 31/12/2007
- 01/11/2007 a 30/11/2007
- 01/10/2007 a 31/10/2007
- 01/09/2007 a 30/09/2007
- 01/08/2007 a 31/08/2007
- 01/07/2007 a 31/07/2007
- 01/06/2007 a 30/06/2007
- 01/05/2007 a 31/05/2007
- 01/04/2007 a 30/04/2007
- 01/03/2007 a 31/03/2007
- 01/02/2007 a 28/02/2007
- 01/01/2007 a 31/01/2007
- 01/12/2006 a 31/12/2006
- 01/11/2006 a 30/11/2006
- 01/10/2006 a 31/10/2006
- 01/09/2006 a 30/09/2006
- 01/08/2006 a 31/08/2006
- 01/07/2006 a 31/07/2006
- 01/06/2006 a 30/06/2006
- 01/05/2006 a 31/05/2006
- 01/04/2006 a 30/04/2006
- 01/03/2006 a 31/03/2006
- 01/02/2006 a 28/02/2006
- 01/01/2006 a 31/01/2006
- 01/12/2005 a 31/12/2005
- 01/11/2005 a 30/11/2005
- 01/10/2005 a 31/10/2005
- 01/09/2005 a 30/09/2005
- 01/08/2005 a 31/08/2005
- 01/07/2005 a 31/07/2005
- 01/06/2005 a 30/06/2005
- 01/05/2005 a 31/05/2005
- 01/04/2005 a 30/04/2005
- 01/03/2005 a 31/03/2005
- 01/02/2005 a 28/02/2005
- 01/01/2005 a 31/01/2005
- 01/12/2004 a 31/12/2004
- 01/11/2004 a 30/11/2004
- 01/10/2004 a 31/10/2004
- 01/09/2004 a 30/09/2004
- 01/08/2004 a 31/08/2004
- 01/07/2004 a 31/07/2004
- 01/06/2004 a 30/06/2004
- 01/05/2004 a 31/05/2004
- 01/04/2004 a 30/04/2004
- 01/03/2004 a 31/03/2004
- 01/02/2004 a 29/02/2004
- 01/01/2004 a 31/01/2004



Dicas do Ernesto:

- Garopaba
- O cachorro viajante
- The Girl
- Paparazzo
- Bella da Semana
- Yonkis.com
- Agonizar, o fotolog do Toro
- Zerzelim
- Ato Consciente
- Woxy, The Future of Rock n' Roll
- Ferris Bueller
- Sir William Wallace
- Flickr do Ixí
- You Tube Forassis
- The Matrix









Indique esse Blog


Contador:



Trip das Calcinhas 2007, casa da Raquél em Itatiba

Depois de algumas semanas aprisionados em cativeiro pela Foramargo Gang, nossos papparazis enfim foram libertados após intensas negociações. Muita coisa do material fotográfico foi confiscado e eliminado, já que inúmeras proibidas aconteceram nessa trip. As fotos que vocês verão abaixo são as imagens selecionadas, aprovadas e enviadas pelas meninas.

As verdadeiras histórias por trás desses e outros momentos, só sabe quem estava lá. Mas uma coisa é certa. Do jeito que se maquiaram, se produziram e ficaram gatas, o bichou pegou forte.

Mily, Julia, Paty, Kasinha e Margo.

Meninas curtindo um sol na piscina.

E as fofocas rolando soltas ...

Essa foto é bastante bizarra. O que estaria rolando nesse momento?

A Margo estava pensando ser algum tipo de animal.

Mesa de equipamentos para a Rave da Maquiagem.

Ave Maria, Oxalá, Odendê !!!

Suze e Margo, the glam girls.

As minas no Busca Vida: Van, Nina, Bruna, Prima da Van, Paty, Mily, Quél e Kasinha.

As tchákas começando a calibrar com a pinguinha clássica.

Olha aí a marvada !!!

E aí a gente vê que elas não foram pra brincar ...

Ah, safada !!!

Apreciando a garrafa.

Algo me diz que esses olhares estão escondendo alguma coisa.

Todas de unhas com tons avermelhados. Será algum código?

Será alguma técnica de sedução?

Aqui elas já estão com cara de breacas.

Aqui elas já estão breacas com certeza.

Foto de momento meigo.

E agora sim. Visão de cima das peitacas !!!

Varanda da casa da Quél.

Várias histórias, várias risadas, muita maquiagem, muita balada, muito bronzeado, muito cheiro de perfume e, principalmente, muitas calcinhas voando para todos os lados.



- Escrito por Ernesto às 10h26
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Curiosidades sobre o peido - Capítulo II

Quanto tempo demora até que o peido chegue até o nariz de alguém?

Isso depende das condições atmosféricas como umidade e velocidade do vento, e da distância entre as pessoas também. Os peidos se dispersam e sua potência diminui com a diluição. Geralmente, se o peido não for percebido dentro de alguns segundos, ele vai ser diluído demais para ser percebido e perdido na atmosfera para sempre. Condições excepcionais existem quando o peido é liberado em uma área pequena e fechada como um elevador, um quarto pequeno ou um carro, porque essas condições limitam a quantidade de diluente possível (ar) e o peido vai permanecer numa concentração perceptível por mais tempo, até que se condense nas paredes.

Outras pessoas cheiram mais o peido do que quem peidou?

O peido deveria cheirar tanto para quem o fez quanto para as outras pessoas. Mas quem fez está protegido pelo fato de que propeliu o ar para longe do seu corpo numa direção oposta à do seu nariz. Peidar contra o vento anula essa vantagem.

É verdade que algumas pessoas nunca peidam?

Não, se elas estiverem vivas. Pessoas podem peidar até mesmo um pouco depois de mortas.

Até estrelas de cinema peidam?

Sim. Assim como avós, padres, reis, príncipes, cantores de ópera, misses e freiras. Até a Gisele Bunchen e o Mestre Yoda peidam.

Homens peidam mais que mulheres?

Não, mulheres peidam tanto quanto homens. O caso é que os homens têm mais orgulho disso. Existe uma grande variação em quanto gás uma pessoa pode produzir por dia, mas essa variação não está relacionada ao sexo. Talvez homens peidem com mais freqüência do que mulheres. Se isso for verdade, então as mulheres tendem a segurá-los e então liberar mais gás por peido.

Em que parte do dia uma pessoa está mais sujeita a peidar?

Durante a manhã, quando estiver no banheiro. Isso é conhecido como "trovão matinal", e se a pessoa conseguir uma boa ressonância, ele pode ser ouvido na casa inteira.

Por que feijão faz as pessoas peidarem tanto?

Feijão contém açúcares que seres humanos não conseguem digerir. Quando esses açúcares chegam em nossos intestinos, as bactérias fazem a festa e produzem um monte de gás. Outros produtores notórios de peidos são: milho, pimentinha, repolho e leite.

Quais outras coisas além do que uma pessoa come podem fazê-la peidar mais que o normal?

Pessoas que engolem muito ar peidam mais do que pessoas que não engolem. Isso pode ser resolvido se você mastigar com a boca fechada, por exemplo. Pessoas nervosas com intestinos que trabalham rápido demais vão peidar mais porque menos ar é absorvido nos seus intestinos. Algumas condições patogênicas também podem causar flatulência excessiva. E subir num avião e ir para lugares onde o ambiente tem pressão mais baixa pode fazer os gases dentro de você se expandirem e emergirem como peido.

Um peido é mesmo só um arroto que saiu pelo lado errado?

Não, um arroto vem do estômago e tem composição química diferente de um peido. Peidos têm menos ar atmosférico e mais gases produzidos por bactérias.


- Escrito por Ernesto às 12h55
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Placebo

do Lat. placebo, de placere, agradar

s.m., Med.,
pla.ce.bo

Substância neutra ou preparado inativo, outrora receitado para comprazer ao doente, agora também usado em estudos controlados para determinar a eficácia de substâncias medicinais. Por vezes prescrita para levar o doente a experimentar alívio dos sintomas pelo simples fato de acreditar nas propriedades terapêuticas do produto.

Mais um show insano no portfolio. Os ingleses do Placebo arregaçaram ontem à noite no Credicard Hall. Um show hipnotizante, grandes riffs de guitarra, sequências eletrônicas psicodélicas, baixo e bateria par dar o peso no som e a voz estridente do Brian Molko, identidade da banda que a torna única hoje em dia. Dizem que é britpop, mas sei lá. Pra mim Placebo é apenas Placebo.

Encontrei umas figuras por lá: Ishii, Mily, Márcio, Betones, Janes, Wagner e umas amigas dele. Um pessoal meio gótico dark, uma galera maquiada, de cabelos espetados, minas de meia-calça rasgadas, galera de camisas listradas (não faço a mínima idéia o porquê disso), umas patricinhas, uns caras de nerd ... enfim, um público bastante heterogêneo, porém fãs de carteirinha que cantaram as músicas e se contorceram freneticamente durante todo o espetáculo.

Quer conhecer mais sobre a banda?

1996 - Placebo
1998 - Without You I'm Nothing
2000 - Black Market Music
2003 - Sleeping With Ghosts
2006 - Meds

Estudos controlados para determinar a eficácia de substâncias musicais.



- Escrito por Ernesto às 08h56
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




The Central Scrutinizer Band

Para os fãs de Frank Zappa. Música, com a melhor banda cover de Zappa. Literarura, com o lançamento do livro do Fábio Massari, um dos maiores especialistas em Zappa do Brasil. Gastronomia, com a melhor fogazza de São Paulo.

É lá no Café Piu Piu no Bexiga. Neste próximo domingo a partir das 21hs.



- Escrito por Ernesto às 16h01
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Eu gozei sem transar

Sábado foi uma noite mágica. Com certeza o melhor show da minha vida. Uma noite agradável, organização impecável, ambiente familiar, psicodelia legalizada, palco e efeitos monstruosos e o principal: Roger Waters tocando os grandes clássicos do Pink Floyd !!!

Foi muito foda. Muito foda mesmo. Juro que não esperava tanto. Foi uma catarse coletiva de todos os presentes no estádio. Foi um orgasmo múltiplo. Os caras que estavam comigo ficaram dopados por tudo aquilo. No final do show, a galera em êxtase nem conseguindo se mexer direito.

Pequeno Sato, Ishii, Sato, Betones e Ciro logo após o show.

Roger Waters

O músico inglês Roger Waters fez na noite deste sábado o segundo e último show da turnê "Dark Side of The Moon" no Brasil. A apresentação aconteceu em São Paulo, no estádio do Morumbi, para cerca de 45 mil pessoas.
Waters, de 62 anos, deixou a platéia extasiada com clássicos do Pink Floyd, canções de sua carreira solo e todas as faixas do álbum "Dark Side of The Moon", lançado em 1973. Foram cerca de duas horas e meia de música com grandes efeitos visuais nos telões, labaredas de fogo, infláveis e ótima qualidade de som através de caixas espalhadas por todo o estádio, criando um verdadeiro surround ensurdecedor.

Ótima organização na entrada e pontualidade britânica. A banda entrou no palco às 21h05 para a primeira parte do espetáculo. A música "In The Flesh" abriu o repertório, que contou ainda com grandes sucessos do Pink Floyd, como "Mother", "Wish You Were Here", "Welcome To The Machine", "Shine on You Crazy Diamond" e "Set The Controls For The Heart Of The Sun".

A segunda metade desse início de show reuniu canções de caráter político e antiguerra, com imagens de tanques, bombardeiros, cenas de combate e fotografias de líderes políticos como George Bush, Joseph Stálin e Saddam Hussein, vistas em músicas como "Southampton Dock", "The Fletcher Memorial Home" e "Perfect Sense".

Em seguida, Roger Waters tocou uma canção nova, "Leaving Beirut", sobre o período em que o cantor passou na capital libanesa aos 17 anos. A música é dedicada à família local que o acolheu após o carro em que viajava ter quebrado. "Nunca esqueci como fui bem tratado", disse. A letra pacifista e o episódio vivido por Waters eram contados em forma de história em quadrinhos no telão.

Quando começou a última música, "Sheep", o famoso porco inflável cor-de-rosa surgiu sobre o estádio, puxado por cabos. Frases de protesto como "O Brasil está sendo vendido", "Bush, o Brasil não está à venda", "Assassinos, deixem nossas crianças em paz" e "Salve a Amazônia" estavam escritas no inflável. Ao final da canção, enquanto a banda tocava em meio a labaredas de fogo que saíam do chão do palco e de uma das colunas laterais, o porco foi solto e subiu sob os aplausos da platéia.

Dark Side of The Moon

Após 15 minutos de intervalo, Roger Waters voltou para apresentar as músicas do disco que dá nome à turnê. Considerado a obra-prima do Pink Floyd e um dos principais álbuns do rock, "The Dark Side of The Moon" já vendeu mais de 40 milhões de cópias em todo o mundo desde seu lançamento. Apresentadas na mesma ordem em que aparecem no disco, o público entrou em êxtase com as músicas e as imagens e efeitos no palco.

1. "Speak To Me/ Breath In The Air"
2. "On The Run"
3. "Time"
4. "The Great Gig In The Sky"
5. "Money"
6. "Us And Them"
7. "Any Colour You Like"
8. "Brain Damage"
9. "Eclipse"

O clássico prisma que ilustra a capa do disco surgiu sobre a banda na canção "Eclipse". Um feixe de luz branca e lasers vermelho e verde saíam do aparato em direção às arquibancadas do estádio, para delírio do público. Sem contar todas as imagens psicodélicas no telão durante as músicas.

Após apresentar os músicos que o acompanhavam e agradecer a fervorosa acolhida do público paulistano, Waters deixou o palco por alguns instantes, até retornar para o bis que encerraria a noite. A primeira música foi "The Happiest Days Of Our Lives", a introdução de "Another Brick in The Wall - Part 2", que provocou uma verdadeira catarse na platéia. Para cantar com Roger Waters, entraram no palco 15 integrantes do projeto Guri, organização social na área da cultura. Com camisetas em que se liam "O medo constrói muralhas", os jovens foram cumprimentados, um a um, por Waters ao final da canção. Em seguida vieram "Bring the Boys Back Home" e outro ponto alto do repertório, a bela "Comfortably Numb", que fechou a noite com o coro do estádio.

Quando percebi, eu já havia gozado sem transar.



- Escrito por Ernesto às 10h54
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Old School

Só pra relembrar os velhos tempos. Esta montagem foi feita há muitos anos atrás e hoje achei aqui no meio dos arquivos underground.

                 

Aquiles, Assis, Catinho, Gus, Ixí, Mik, Thiago, Raulzito, Zé, André, Fenantchinho, Toro, Márcio, Angelo, Epa e Alan.

Não sei se os caras são mais zuados hoje em dia ou antigamente.

Eita diacho !!! 



- Escrito por Ernesto às 15h24
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Curiosidades sobre o peido - Capítulo I

Uma das coisas que os homens mais gostam de conversar, idolatar e se orgulhar é o peido. Nada mais gostoso do que soltar um belo pum. Se for barulhento, melhor. Se for fedido, melhor ainda. Se for barulhento e bem fedido, o peido perfeito.

Durante nossa vida já vivemos milhares de histórias relacionadas ao peido. Se segmentarmos tais histórias no convívio Forassis, podemos enumear algumas pérolas. O dia em que o André acendeu o cigarro no peido do Thiago, os peidos cagados do Epa e do Márcio, os peidos mega-ultra-fedidos causados pelos verrrrrrmes do Zé, o peido que originou a Fabufa, o dia em que a Suze fez a maior chama de peido já registrada, o peido do Zé que desencadeou uma briga no cinema ... e muitas outras.

Por isso pedi para o Depto. de Pesquisa & Desenvolvimento da Forassis Corporation diversas informações e curiosidades sobre o peido. Nada melhor do que estar informado sobre assuntos que nos interessam. Postarei periodicamente aqui no blog os resultados deste árduo trabalho.

De onde o gás do peido vem?

O gás nos nossos intestinos vem de várias fontes: do ar que engolimos, do gás que passa do sangue para os intestinos, da produção através das reações químicas que ocorrem no aparelho digestivo e do gás produzido pelas bactérias que constituem a flora intestinal.

Do que é feito o peido?

A composição do gás é altamente variável. A maior parte do ar que engolimos, especialmente o componente oxigênio, é absorvido pelo corpo antes que o gás alcance os intestinos. Quando o ar atinge os intestinos, a maior parte do que resta é nitrogênio. Reações químicas entre o ácido estomacal e os fluidos intestinais também podem produzir dióxido de carbono, que também é um componente do ar e um produto da ação bacteriana. Bactérias também produzem hidrogênio e metano. Mas as proporções relativas destes gases que emergem da nossa abertura anal dependem de vários fatores: o que comemos, quanto ar nós engolimos (lembre-se que aerofagia, ou comer ar demais, pode ser considerado um distúrbio do aparelho digestivo. Você engole mais ar quando come depressa), quais tipos de bactérias nós temos nos intestinos e por quanto tempo seguramos o peido. Quanto mais um peido é segurado, maior a proporção de nitrogênio inerte que ele vai ter, porque os outros gases tendem a ser absorvidos para a corrente sangüínea através das paredes do intestino. Uma pessoa nervosa que engula muito ar, e que faz as coisas passarem muito rápido por seu sistema digestivo, pode ter muito oxigênio em seus peidos, porque seu corpo não teve tempo de absorver todo o oxigênio. A Encyclopaedia Britannica oferece a informação de que o peido de algumas pessoas pode não ter nenhum metano. Para isso, a razão é desconhecida. Alguns pesquisadores suspeitam de influência genética, enquanto outros pensam que isso é devido a fatores ambientais anormais. Entretanto, todo o metano nos peidos das pessoas vem de bactérias e não das células humanas.


O que faz os peidos federem?

O odor dos peidos vem de pequenas quantidades de sulfeto de hidrogênio (gás sulfídrico) e "skatole" na mistura. Esses compostos contêm enxofre. Quanto mais rica em enxofre for sua dieta, mais desses gases vão ser produzidos pelas bactérias no seu intestino e mais seus peidos vão feder. Pratos como couve-flor, ovos e carne são notórios por produzirem peidos fedidos, enquanto feijão produz grandes quantidades de peidos não necessariamente fedidos.

Por que peidos fazem barulho?

Os sons são produzidos pela vibração da abertura anal. O som depende da velocidade da expulsão do gás e de quanto estreita for a abertura dos músculos do esfíncter anal.

Quanto gás uma pessoa normal produz por dia?

Em média, uma pessoa produz mais ou menos um litro de peido por dia, distribuído em cerca de 14 peidos diários. Pode ser difícil para você determinar o volume dos seus peidos diários, você pode estimar quantas vezes você peida. Você pode pensar nisso como um pequeno experimento científico: anote tudo que você come e conte o número de vezes que você peida. Você pode inclusive anotar sobre o fedor deles. Veja se você pode descobrir uma relação entre o que você come, quanto você peida e quanto seus peidos fedem.

Como um peido chega até o ânus?

Poderia-se pensar por que o gás desce para o ânus se ele tem uma densidade menor que líquidos e sólidos, e portanto deveria subir. Mas o intestino empurra o que ele contém em direção ao ânus através de contrações chamadas movimentos peristálticos. Esse processo é estimulado pela alimentação, e esse é o motivo pelo qual normalmente temos que fazer cocô e peidar depois de uma refeição. A peristalse cria uma zona de alta pressão, forçando todos os componentes no tubo digestivo, inclusive gás, a mover-se para uma região onde a pressão é menor, isto é, em direção ao ânus. O gás é mais móvel que os outros componentes, e pequenas bolhas coalescem para formar bolhas maiores em direção à saída. Quando a peristalsia não está ativa, as bolhas podem começar a subir de novo, mas elas não voltam muito por causa da forma toda curva do intestino. Além disso, o ânus não está nem para cima nem para baixo quando uma pessoa está deitada.

É possível mesmo "acender" peidos?

A resposta para isso é SIM! Entretanto, você deve estar avisado de que colocar um peido em iginição é perigoso. Não só a chama pode subir de volta para seu cólon, como a sua roupa e o que estiver ao redor pode pegar fogo. Cerca de um quarto das pessoas que já fizeram isso se queimaram. Também existem casos em que os gases intestinais com um teor de oxigênio mais alto que o normal explodiram durante cirurgia quando algum tipo de cauterizador elétrico foi utilizado pelo cirurgião.

Por que é possível queimar peidos?

Porque normalmente esses gases incluem metano e hidrogênio, ambos são gases inflamáveis. Peidos tendem a se traduzir em chamas azuis ou amarelas.

É possível acender um fósforo com um peido?

Não, a menos que o peido tenha a consistência de uma lixa. Além disso, peidos têm a mesma temperatura do corpo quando saem, e essa temperatura não é suficiente para iniciar uma combustão.



- Escrito por Ernesto às 13h33
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Karma

Se você anda assistindo o seriado "My name is Earl", já deve ter se perguntado como o tal de Greg Garcia, criador da série, é um gênio. Com uma historinha bizarra sobre um sujeito tosco que tenta ser uma pessoa melhor depois que passa a acreditar no Karma, ele cria situações sensacionais desse cara buscando reparar todos os seus erros que ele colocou numa lista.

 

 

E esse tal de Karma? Na verdade existe uma grande explicação budista por trás disso, que vou procurar dar uma resumida logo abaixo.

 

A lei do Karma

 

A lei do Karma nos ensina que certos tipos de ação nos leva inevitavelmente à resultados similares. Se fazemos algo beneficente, cedo ou tarde obteremos um resultado beneficente, e se fazemos algo danoso nós inevitavelmente obteremos um resultado danoso.

Isto é o que queremos dizer, no budismo, quando nos referimos que certas causas nos trazem os efeitos particulares que são similares na natureza àquelas causas. No ensinamento budista, a lei do karma diz somente isto: Para todo evento que ocorre, seguirá um outro evento cuja existência foi causada pelo primeiro, e este segundo evento poderá ser agradável ou desagradável se a sua causa foi benfazeja ou não. Um evento benfazejo é aquele que não é acompanhado por cobiça, resistência ou ilusão. Logo, a lei do Karma prega que responsabilidade para as ações incorretas nasce da pessoa que os comete.

Karma significa ação. Literalmente, alguma coisa que inicia um movimento em algum tempo no passado tem um efeito em algum outro tempo. Portanto, Karma pode surgir de nossa vida atual tanto quanto de uma outra passada. O Karma é um constante equilíbrio de forças entre nós mesmos e o mundo em que vivemos. É um sistema dinâmico, auto-ajustável no qual existe um feedback constante de acordo com a maneira com a qual nós aceitamos ou recusamos nossas experiências a cada momento. Nossas reações e atitudes diante da experiência é mais importante do que a própria experiência.

Os termos “bom karma” e “mau karma” são usados no budismo não no sentido de “bem” e “mal”, e sim num sentido de “inteligente, habilidoso, beneficente” e “não inteligente, inábil e prejudicial”. Portanto as ações são beneficentes quando elas são benéficas para a própria pessoa e para os outros, motivadas pela sabedoria, desapego, amor e compaixão. Dessa forma, Karma é uma ação intencional, consciente, deliberada e voluntária.

Para as ações sem intenção, tais como caminhar,dormir, respirar, não existem consequências morais, portanto elas constituem um Karma neutro. As ações prejudiciais que devem ser evitadas estão relacionadas com as chamadas três portas da ação, que são: corpo, mente e voz. Evitando-se estas dez ações prejudiciais nós poderemos evitar as suas consequências similares.

As três ações prejudiciais do corpo são:

(1) matar
(2) roubar
(3) comportamento sexual impróprio


As quatro ações prejudiciais da voz são:

(4) mentir
(5) discurso cruel
(6) calúnia
(7) fofoca maliciosa


As três ações prejudiciais da mente são:

(8) avareza
(9) raiva
(10) ilusão

Se nós buscamos evitar prejudicar os outros, se nós tentamos nosso melhor para ajudar os outros quando possível, se nós aprendemos a estar atentos, se nós aprendemos a desenvolver nossa habilidade de concentração e se nós cultivamos a sabedoria através do estudo, não há nenhuma dúvida de que tudo isso nos beneficiará, nos conduzirá à felicidade e prosperidade primeiro nesta vida e depois nas próximas. Eventualmente, nos conduzirá à meta da liberação final e à felicidade suprema do nirvana.

As pessoas deveriam fazer boas ações o tempo todo. É isso.



- Escrito por Ernesto às 13h16
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Novo blog !!!

Enfim um novo layout para o blog. Era pra ter atualizado no começo do ano, mas as coisas foram se acumulando e este job ficou meio de lado.

A lição do Karma.

Ontem eu estava assistindo "My name is Earl" e de repente deu pau no aparelho de DVD. Era o karma me avisando que tinha alguma coisa errada, com certeza. Então na hora que fui dar uma olhada no aparelho, me deparei com a Constituição Forassis em cima da mesa de canto. Foi aí que me deu o estalo !!! Eu precisava atualizar o layout do blog e cobrar as novas revisões das leis do setor jurídico da Forassis Corporation. Só fazendo uma coisa boa pela gang, eu teria uma coisa boa de volta. E foi isso o que fiz esta manhã. Cá estou atualizando o blog e logo mais enviando a Nova Constituição para todos os membros oficiais.

Karma, onde estás?

E para mostrar meu total respeito pelo Karma, também vou cumprir o prometido. Este blog está precisando de mais sacanagem e mais mulher pelada. Por isso nada mais certo do que começar o novo blog com belas imagens. São fotos selecionadas de sites por aí com beldades do Big Brother Brasil. O programa é bad karma total, mas as tchákas ...

... que belo karma masoquista !!!

... hummm, esse karma louro tá demais !!!

... karma assim é só loucura !!! (se liguem no "yo" no boné)

... ahhh, isso sim é good karma !!!

... obrigado karma por esta escultura em forma de mulher !!!

É isso aí, galera. Bem-vindos ano novo blog. Novo layout. Novos conteúdos. Novas idéias.

EU SÓ ESTOU TENTANDO SER UMA PESSOA MELHOR. MEU NOME É ERNESTO.



- Escrito por Ernesto às 13h41
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Até que a ferrugem os separe

O modelo Kombi da Volkswagen está passando por uma renascença aos 57 anos de idade. O que já foi o transporte preferido de todo hippie, o veículo com cantos em curva está encontrando seu caminho para a telona.
 
No dia da premiação do Oscar de 2007, o "Hollywood Reporter" trouxe uma propaganda de página inteira do filme de animação "Carros". Mas longe de apresentar algum dos carros mais alinhados do filme, como um Porsche ou uma Ferrari, o anúncio mostrava uma Kombi pintada com flores chamada Fillmore.
 
 
Em 'Pequena Miss Sunshine', uma família de seis viaja pelos EUA em uma Kombi amarela.
 
O ícone da era hippie está de volta com uma vingança. Nunca se viu tantas Kombis nos cinemas. Além de "Carros", há a comédia "Pequena Miss Sunshine", na qual uma família de seis viaja pelos EUA em uma Kombi amarela, e o suspense "Diamante de Sangue", no qual Leonardo DiCaprio explode as estradas de Sierra Leone em um modelo azul e branco. Até Nelson Mandela (interpretado por Dennis Haysbert) entra na Kombi no drama de prisão "Goodbye Bafana" (Adeus Bafana).
 
O modelo foi produzido pela primeira vez na planta da Volkswagen em Wolfsburg, 57 anos atrás e também está vivenciando uma renascença na televisão. Uma Kombi vermelha é a estrela de um anúncio do McDonald's, e o programa de cozinha "Naked Chef" apresenta o cozinheiro britânico Jamie Oliver levando seus ingredientes pelo país no "hippiemóvel" alemão.
 
Como pode ser que uma catástrofe aerodinâmica, com horrendo consumo de gasolina e níveis de ruídos perigosamente altos está sendo celebrada como se fosse a maior sensação do setor? Como pode a Kombi ser vista como automóvel amigável ao meio ambiente, quando os fatos provam o contrário? Em "Carros", a grande consumidora de combustível da Volkswagen até deixa o carro de corrida com a consciência culpada e oferece-lhe um biocombustível caseiro.
 
É claro que a indústria de cinema tem um relacionamento especial com a Kombi, que permite aos jovens diretores -notoriamente quebrados- que transportem suas equipes e equipamentos aos locais de gravação. Mas mesmo quando esses diretores se tornam bem sucedidos, continuam leais à Kombi. Lars von Trier, diretor de "Dogville" e "Ondas do Destino", foi da Dinamarca para Cannes em sua Kombi. O diretor austríaco Hans Weingartner dirigiu seu modelo para a Croisette em Cannes, soltando fumaça pela multidão elegante e suas limusines.
 
Da revolução ao consumismo
 
A Kombi foi usada historicamente como plataforma de protesto móvel. A canção de protesto de Arlo Guthrie, em 1967, "Alice's Restaurant Massacree" falava de uma Kombi vermelha cujos passageiros pegavam "pás e ancinhos e implementos de destruição" e dirigiam-se para o lixo da cidade. Guthrie não poderia saber que uma Kombi vermelha um dia seria usada para anunciar hambúrgueres e fritas e outros implementos de nutrição. Será este o destino de todo metal - de carro da revolução para van de entrega do consumismo?
 
A Kombi original foi desenvolvida a partir do famoso Fusca e foi montada em sua forma original até 1979. No final dos anos 60, tornou-se alternativa óbvia ao carro de família. Era o veículo perfeito para irmãos e irmãs unidos no espírito de viagem.
 
No novo filme alemão "Das Wilde Leben" (A Vida Rebelde), Natalia Avelon faz o papel de Uschi Obermaier, ícone sexual alemão dos anos 60, fugindo da vida limitada que levava em uma pequena cidade da Bavária. Assim que Obermaier se prepara para pedir carona na estrada, uma Kombi colorida para e a leva para uma comunidade em Berlim.
 
No entanto, 40 anos depois, as famílias escolhidas não funcionam tão bem quanto se esperava. O mais comum hoje é o oposto - um desejo de salvar o que resta da família. Então o filme de Johnathan Dayton e Valerie Faris "Pequena Miss Sunshine" acompanha o espírito dos tempos: mostra os membros de uma grande família despedaçada unindo-se em uma Kombi, enquanto o próprio veículo se despedaça. Somente quando todos têm que sair para empurrar que entendem o quanto podem alcançar juntos.
 
Como nenhum outro carro, a Kombi é símbolo da globalização. Aventureiros percorreram o mundo nela nos anos 70, narrando suas experiências em tomos pesados. Hoje a Kombi parece adequada apenas para uma viagem no tempo. Eric T. Hansen, nascido no Havaí, roncou os motores de uma cidade medieval alemã à próxima, dormindo no feno e vivendo de sopa e pão, seguindo a trilha de Nibelungen para seu livro de 2004 "Driving Through the Dark Ages" (Dirigindo pela Idade Média).
 
Então não é de espantar que fãs gostem de evocar seu poder de vencer o espaço e tempo. "Quando entramos em nossa Kombi fiel, mesmo que por um curto período, uma realidade diferente e independente nasce para nós... uma realidade de movimento, odores estranhos e novas experiências", dizem os autores do clássico guia de viagens alemão dos anos 70 "Around the World in a VW Bus" (Viajando pelo Mundo em uma Kombi), elogiando seu carro. "Aprendemos a amar essa caixa de metal".
 
Texto: Lars-Olav Beier para o site Der Spiegel
Tradução: Deborah Weinberg


- Escrito por Ernesto às 08h07
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Arigatô !!!

Este fim de semana foi meio nublado, meio chuvoso, meio manhoso. Tanto que nem rolaram baladas Forassis. A galera até tentou agitar alguma coisa na sexta, alguma coisa no sábado, mas a burocracia dos compromissos de cada um e a preguiça da chuva paulistana impediu qualquer tentativa baladeira. No final das contas, cada um ficou na sua ... com seus compromissos, com suas baladas particulares.

Mas no domingo de tarde, num último suspiro de sobrevivência, alguns conseguiram honrar. Aliás, uma bela honra. Voltaram às raízes e ticaram um filme no já conhecido Extra Anchieta. E depois ficaram lá fora decidindo o que fazer para encerrar a noite. Como nos velhos tempos.

Cartas de Iwo Jima.

Belo filme de Clint Eastwood sobre a resistência do exército imperial japonês contra a tomada americana da ilha de Iwo Jima, no final da II Guerra Mundial. O filme é um belo exemplo da honra dos soldados japoneses e suas tradições, mesmo perdendo a batalha. O ator Ken Watanabe está soberbo. Aconselho este filme para todos. Clint Eastwood filmou 2 filmes ao mesmo tempo sobre a batalha de Iwo Jima, porém um com a visão japonesa da guerra e outro sobre a visão americana. Este útimo, chamado "A Conquista da Honra" (Flags Of Our Fathers). Porém ainda não assisti para poder avaliar.

Mangá.

Logo depois do cinema, ficamos lá no Extra decidindo o que fazer. E depois de um filme falado todo em japonês, nada melhor do que um jantar para encerrar a noite com estilo. A galera (Márcio, Suze, Margo, Catinho, Ishii e Mily) foi mandar uns sushis no Mangá, restaurante japa em Sto. André. Local muito style, por sinal. E assim a Margo também matava sua lombriga com um belo golpe samurai.

BANZAI !!!



- Escrito por Ernesto às 11h29
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




As aventuras da kombi Forassis em Socorro - Episódio II

Esses caras são muito bobos mesmo. Nunca vi pessoas tão felizes por lotarem uma kombi com 14 manos embriagados pra passear pela cidade e tomar poeirão nas estradas de terra. Sensacional. Esse é o verdadeiro espírito da bizarrice e alegria coletiva.

Esses caras são muito bobos mesmo. Todo mundo na noite de domingo para a reunião oficial Forassis, onde foram votadas novas leis e alteradas outras. Todos lá participando com grande afinco, indagações e opiniões. Uma verdadeira assembléia de toda a diretoria.

Esses caras são muito bobos mesmo. Resolveram incluir mais um bobo na gang. Agora o Lama é oficialmente o novo estagiário Forassis. O Hugo é o outro. Daqui 1 ano, na próxima Convenção, ele poderá ser efetivado se todas as suas habilidades forem demonstradas e se ele marcar presença em tal grandioso evento.

O importante é não ter "bad karma". E o "karma", como diz nosso amigo Earl Hickey, é uma coisa engraçada.

Márcio, camiseta abimonista, Thiago, Ciro e Epa bombando na balada.

Bad tentando explicar alguma coisa.

Japinha local na era espacial.

Um pouco de momento gay sempre é bom.

Japinha repousando gostoso em seu berço.

Ciro fazendo a chamada para a saída pro almoço de domingo.

Catinho, Japinha e Kina no porta-malas.

André com sua breja e a camiseta do Hugo na mão.

Excursão Forassis do Tio Márcio.

Um pouco de comida pra sustentar.

Fonte de águas medicinais em Socorro.

Fotinho clássica no coreto da cidade. Enquanto isso, o Ciro, Ishii, Catinho, Epa e Wagner foram fazer rafting no Rio do Peixe.

Reunião oficial para votação da Constituição Forassis.

Foto oficial. Os feras: Catinho, Ciro, Kina, Assis, Wagner, Bad, Epa, Thiago, Márcio, Ixix, G, André, Japinha e Lama.

E foi isso o que rolou no último fim de semana na IV Convenção Forassis. Muita coisa não está nas fotos, afinal, só sabe quem estava lá. Mas tenho certeza que muitas histórias ficarão marcadas nessas 14 cabeças alucinadas. Aproveito para agradecer toda galera pelo convite para cobrir o evento e por terem pago todas as minhas despesas com o Caixa 2 Forassis.

O próximo evento oficial? II Congresso Forassis, em agosto ou setembro de 2007. Ah! E lembrem-se ... nós estamos apenas tentando ser pessoas melhores.



- Escrito por Ernesto às 10h40
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




As aventuras da kombi Forassis em Socorro - Episódio I

E mais um ano a profecia se realizou. Os membros ativos da Forassis Gang tocaram o terror master e sacrificaram uma virgem de sangue real na IV Convenção Forassis, realizada em Socorro nos dias 09, 10 e 11 de março.

A chácara alugada foi bem a pampa. Vários quartos e camas, sala de TV, cozinha, sala de jantar, churrasqueira gigante, piscina gigante, mini-quadra de basquete, mini campo de futebol ernesto, templo do sacrifício no bambuzal chinês, pasto e várias coisas por perto, como mercado, restaurante e esportes radicais.

Esse ano, no entanto, tivemos uma grande inovação tecnológica. Alugamos a tão sonhada kombi e fomos em 8 nêgos tocando o terror. E depois de toda a galera reunida, enfiamos 14 malucos na kombosa pra ir na cidade e na balada. E o fim de semana foi assim: muita zueira, risadas, gorós estranhos, churrasco eterno, passeios, raves do mal, rafting no Rio do Peixe, ritual da Montilla em homenagem ao Fê e a tão aguardada reunião oficial para revisar as leis da Constituição Forassis.

Eu, Ernesto, estava lá.

Tripulantes oficiais saindo de Arujá na sexta de noite.

A balada começando a bombar na kombi.

Vista da chácara do Colli em Socorro.

A árvore protetora da natureza e dos jogadores de futebol.

Vista geral da área de lazer.

Pipi.

Paisagem bucólica.

Japinha na vida boa prestes a ser desmascarado.

Thiago aconchegando a falecida coruja Betty.

Essa é a Betty, nossa companheira de balada.

Ciro no mortal.

Galera batendo uma bola.

Epa e Márcio na vibe da vida.

A incrível cesta de basquete na mega quadra poliesportiva.

Japinha e seu súdito Angeloni.

No próximo post, as fotos mais picantes e bizarras da viagem. Aguardem.



- Escrito por Ernesto às 15h25
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Trip das Calcinhas 2007

A Convenção já passou. A Trip das Calcinhas já passou. Mas a nossa equipe de repórteres descobriu um grande segredo das meninas neste domingo. Enquanto um dos nossos andava inocentemente pelas bocadas de São Paulo, ele encontrou este cartaz fixado na parede de um dos becos da boca do lixo no centro da cidade. Também recebemos informações desses cartazes encontrados no clube das mulheres, na associação brasileira de halterofilistas, na balada anual dos italianos ricos e solteiros, na entrada do Café Photo, na república Lambda-Lambda-Lambda dos nerds virgens e em dezoito sex shops espalhados por São Paulo.

Sim, isso mesmo. As garotas tinham um cartaz na mukia e fizeram uma divulgação secreta nos pontos de grande concentração de machos necessitados. Podemos concluir que elas estavam na maldade.

Se as calcinhas rolaram soltas em Itatiba, só sabe quem estava lá. E se a mulherada de Socorro invadiu a kombi do terror na IV Convenção Forassis, também só sabe quem estava lá.

      



- Escrito por Ernesto às 07h58
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




4 8 15 16 23 42

Apenas verdadeiros ícones da cultura pop podem ser ponto de partida para um anúncio publicitário. Esse aqui, criado pela agência chilena Base1 para o produto Post-It da 3M, acerta em cheio os milhões de fãs da série "Lost".
 
A careca de John Locke (personagem da série) e a fatídica sequência de números que deve ser digitada a cada 108 minutos. Só existe uma maneira de lembrar de tanto número ...
 
 
 
Malditos publicitários.


- Escrito por Ernesto às 14h18
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Convenção de kombi !!!

Chegou o grande dia. Hoje terá início a IV Convenção Forassis - Edição 2007 em Socorro. E não caberia data melhor. Hoje é aniversário do nosso mestre eterno Fenantchinho. O cara que com certeza contribuiu em muito com todas as nossas bizarrices e principalmente com o verdadeiro valor das nossas amizades.

Segue abaixo a versão japonesa do cartaz, fixada nos principais points de Tokyo, Nagasaki e Hiroshima.

E o esquema será assim. O G sai do trampo e vai pra casa do Ishii. O Ishii e o Japinha saem do trampo em Guarulhos, passam no mercado para comprar a Montilla do Fê e ficam jogando XBox até a kombosa chegar. O Márcio pega a kombi depois do trampo, busca o Epa, o Assis, o Ciro, o Thiago e vão para casa do Ishii. E de lá saem os oito malucos de kombi pra Socorro. O André vai de carro de madruga com o Bad e o Catinho. O Lama vai amanhã direto de Campinas. O Kina e o Wagner vão amanhã depois do almoço. E vamos todos ficar esperando o Mik até domingo.

É isso aí, esse ano a Convenção será histórica. E mais uma vez ... PARABÉNS, FENANTCHINHO !!!



- Escrito por Ernesto às 10h54
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Hoje é o dia internacional da mulher

E por isso deixo aqui os meus parabéns para todas as mulheres do nosso sistema solar e para todas as nossas companheiras da Foramargo Gang. Para celebrar tal data, uma imagem que representa a força e a beleza feminina. O ventre materno.

Esse é o ultra-som da Julia, nossa mais nova mamãe. Ainda não sabemos se é menino ou menina, mas independente disso aí está a primeira foto do Laminha ou da Laminha, filhote do papai Lama.

...

O dia internacional da mulher foi consagrado internacionalmente à mulher pela ONU, no ano de 1975, representando um marco no movimento feminino para adquirir direitos iguais ou semelhantes ao dos homens nos planos político, jurídico, trabalhista e civil. Nada mais justo. Hoje as mulheres possuem tanta força quanto os homens na sociedade. Mas com muito mais charme, beleza, cheiro gostoso, cabelos esvoaçantes e muita sedução. Ainda assim, nada melhor do que ser homem. Não menstruamos todo mês e nem precisamos mijar sentados.

Parabéns, mulherada. Peguem aqui, ó !!!



- Escrito por Ernesto às 09h48
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




IV Convenção Forassis

 

  

SOCORRO !!! SALVE-SE QUEM PUDER !!!

 

Chegou mais uma Convenção Forassis. A 4ª edição deste glorioso evento anual. Uma viagem só de cueca que beira o extremo do homossexualismo, a bizarrice coletiva e a heresia cristã.

 

IV Convenção Forassis - Edição 2007

09, 10 e 11 de março

Chácara do Colli - Fazenda Fartura

Rio do Peixe - Socorro/ SP

Vagas limitadas.

 

"Chácara situada na centenária Fazenda Fartura, a 10 quilometros de Socorro, por estrada asfaltada. Linda paisagem, servida com água mineral. Equipada com campo de futebol, piscina (5 por 9 m), edícula ao lado da piscina com churrasqueira, fogão, freezer/refrigerador, forno caipira e barzinho. Possui uma cama de casal, 3 beliches, 2 camas de solteiro, 1 bi-cama, 1 sofá-cama,1 berço, duas colchonetes, 2 televisões, 3 banheiros, cozinha, copa, sala de estar, sala de televisão com captação por antena parabólica. Localizada no Circuíto das Malhas e das Águas (Socorro, Serra Negra, Monte Sião e Águas de Lindóia, tendo na sua proximidade esportes radicais, cachoeiras, restaurantes, lanchonete, igreja, pesqueiro, supermercado e padaria".


- Escrito por Ernesto às 09h03
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Cadê o cartaz?

Os funcionários da Forassis Design estão em desespero. Devido a uma enxurrada de trabalhos pendentes e milhares de novos projetos, eles ainda não conseguiram finalizar o cartaz oficial da IV Convenção Forassis, que será realizada neste próximo fim de semana na cidade de Socorro. Muitos conselheiros estão em reuniões e o time de designers está desfalcado. Mas acreditamos que em breve teremos o tão esperado cartaz. Aguardem maiores informações sobre a Convenção 2007.

Enquanto isso, um furo de reportagem ... achamos algumas notinhas de um dos organizadores ...



- Escrito por Ernesto às 11h04
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Interatividade

Isso sim é o que podemos chamar de mídia interativa offline. A marca de surf e streetwear Quicksilver lançou alguns outdoors para serem "usados" pelos skatistas. Já dá pra imaginar o quão polêmica e comentada está sendo esta campanha.

E quem imaginaria que o skate fosse chegar um dia a ter um investimento de marketing como esse. Antes um esporte de marginal, hoje um mega produto capitalista. Hoje o skate é um dos esportes mais praticados no mundo. No Brasil está em segundo lugar, só perdendo para o futebol. E a indústria de streetwear e acessórios anda faturando pra caralho ... cada vez mais e mais.

Sk8 na veia, brother !!!



- Escrito por Ernesto às 16h06
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Carnaval dos falidos

Os humildes também comemoram Carnaval. Esse ano eles foram para a casa do Epa em Orypaba, Amparo. E com pouco dinheiro, tudo é diversão. Frango com farofa, piscina de plástico, banho de bacia, radinho de pilha, carro com ar condicionado desligado pra economizar gasolina, futebol com aquelas bolas de supermercado, fantasias de carnaval improvisadas e essas coisas que todo mundo já fez.

Mas querem saber? Os humildes também amam. E se divertem pra caramba.

Peguem aqui, ó !!!

Nhô Epa, o cara sem queixo de cabelos verdes.

Montando o acampamento.

A piscina foi a diversão do feriado.

E a bebida foi a diversão do feriado.

Bruna, Karina e Quel passeando pela cidade.

Bruna Cartolão, drogada e perigosa.

Essas minas não vivem sem a jogatina.

Esses caras não vivem sem um churras.

O que será que o Bad tem ???

Bundinha dura?

O G sempre consegue ser um dos mais escrotos.

Japinha na vibe do carnaval.

Rave na varanda.

Os famosos trios elétricos na cidade.

Aí sim ... esse é o verdadeiro desfile de carnaval.

André fazendo a presa com o tiozinho.

Casal carnavalesco.

Tá rolando um clima ...

Raquel, menininha marota com jeito de caipira.

Pizza de provolone? Presa.

Karino na larica.

Mama, neném, mama !!!

Quero voar ...

Carnaval sem mulheres semi-nuas rebolando não é carnaval.

G no bode depois da balada forte dos confetes.

Isso sim é uma coisa que dá medo.

Balada na piscina 24 horas.

Campeonato de bocha. Balada de idosos.

Galera concentrada.

Pra suar um pouco e tirar o álcool do corpo.

Dog da Xis.

Japinha e Xis curtindo a paz de Orypaba.

E esse foi o carnaval dos falidos. Com pouca grana, muita disposição, criatividade, água e folia.



- Escrito por Ernesto às 10h16
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




The Glass House Soundtrack Party

O pessoal cansou de esperar a tal inauguração do novo lar do G e da Bruna. Então resolveram invadir. Tal ato de vandalismo aconteceu na sexta feira passada, dia 23 de fevereiro, por volta das 23 horas. Local: A Casa de Vidro. Zona Oeste. Quase em Osasco.

Para essa pré-inauguração improvisada, houve muito vinho, breja e um grande bailão no salão principal, sonorizada pelos canais de música da TV a cabo. Deejay é coisa do passado. A onda agora é festejar com o controle remoto embriagado.

Felizmente não houveram relatos de vítimas fatais.

Suze, Brux e Margo.

Epa, Quel e Cato.

André e Pinóculos batendo um lero.

Montinho sexual na Mily.

E já tinha maluco caindo sozinho.

Ishii e Angeloni.

Margo, Suze e Mily.

Galera voltando com as compras básicas.

As minas lesadas estiradas no tapetão.

Bolotinha de mijo (ou sêmen).

Epa e o vinho derramado.

Margo ressuscitando o Catinho.

PS: As cores das fotos acima foram alteradas para melhor representar como as pessoas estavam enxergando essa noite. Álcool misturado com bizarrices causa problemas de visão.

Aguardamos agora a inauguração oficial. E não precisa de cortina, ok?



- Escrito por Ernesto às 08h43
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________